Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1348
Type: Artigo Cientifico
Title: O processo de cuidar de usuários com hipertensão arterial sistêmica e diabetes Mellitus na perspectiva da política nacional de humanização
Author: Curioletti, Regina Maria
First advisor: Colliselli, Liane
Resume: As Doenças Crônicas Não Transmissíveis DCNT, representam um problema de ordem pública, responsável por aproximadamente 70% das mortes no país (BRASIL, 2011). Possuem como principal característica um processo lento e silencioso em relação ao aparecimento dos primeiros sintomas. Assim, pacientes portadores de Diabetes Mellitus e Hipertensão Arterial Sistêmica necessitam frequentar periodicamente os serviços de saúde. Dessa forma, representam um desafio para Equipe da Saúde da Família atuar conforme as estratégias para o cuidado da pessoa com doenças crônicas, alicerçado na Política Nacional da Humanização. Objetivou-se neste estudo conhecer como os profissionais da Equipe de Saúde da Família conduzem o processo de cuidar dos usuários portadores de Hipertensão Arterial Sistêmica e Diabetes Mellitus, em um Município do Norte do Estado do Rio Grande do Sul, no segundo semestre de 2014. Como abordagem metodológica optou-se pelo tipo qualitativa, descritiva exploratória, contou com um grupo de dez portadores de DM/HAS e de três profissionais da Equipe Saúde da Família, para a análise dos dados utilizou-se a análise temática proposta por Minayo. Os resultados demonstram avanços em relação a implementação da PNH e desafios em relação ao projeto terapêutico singular e a clínica ampliada. Conclui-se que ações de educação permanente, na perspectiva da PNH são necessários visando qualificar o cuidado.
Abstract: The Chronic Non Communicable Diseases CNCD represents a problem of public order, accounting for approximately 70% of deaths in Brazil (BRAZIL, 2011), having as main characteristic a slow and silent process of first symptoms appearance. In this sense, patients with Diabetes Mellitus (DM) and Systemic Arterial Hypertension (SAH) needs to attend health services regularly, therefore, consisting on a challenge to the Family Health Team to act following the strategies for the care of those with chronic diseases, based on the National Humanization Policy (NHP). The study aimed to know how the professionals of the Family Health Team leads the care process with SAH and DM patients of a municipality in northern Rio Grande do Sul, on the second half of 2014. As methodological approach was applied the qualitative, exploratory descriptive type, attributing a sample of ten DM / SAH patients and three professionals of the Family Health Team. To the data analysis was used the thematic analysis proposed by Minayo. The results shows progress and challenges regarding the implementation of the NHP, especially concerning the individual natural therapeutic project and expanded clinical. It was concluded that permanent education actions, in view of PNH are needed in order to qualify the care.
Keywords: Atenção básica
Doença crônica não transmissível
Humanização
Educação em enfermagem
IND
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Chapecó
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1348
Issue Date: 2014
Appears in Collections:TCC Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CURIOLETTI.pdf376,64 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.