Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1359
Type: Dissertação
Title: Qualidade de sementes de trigo colhidas com diferentes teores de água e armazenadas em sistema convencional e hermético
Author: Scariot, Maurício Albertoni
First advisor: Radünz, Lauri Lourenço
metadata.dc.contributor.advisor2: Mossi, Altemir José
metadata.dc.contributor.referee1: Galon, Leandro
metadata.dc.contributor.referee2: Dionello, Rafael Gomes
Resume: O trigo é um dos principais alimentos consumidos no mundo, sendo uma das culturas de maior importância para a segurança alimentar A época de colheita e o armazenamento influenciam na qualidade física, química, fisiológica e sanitária de sementes de trigo (Triticum aestivum). Desta forma, a realização do trabalho teve por objetivo avaliar a qualidade física e sanitária, além do desempenho fisiológico de sementes de trigo em função de distintos teores de água na colheita com posterior armazenamento em sistema hermético e convencional. Para tal, foram utilizadas sementes de trigo, cultivar BRS Parrudo. O experimento foi realizado sob delineamento experimental inteiramente casualizado, disposto em esquema fatorial 5x3x2 (tempo de armazenamento x teor de água na colheita x sistema de armazenagem), com quatro repetições. Os dados obtidos foram submetidos à análise de variância, com posterior teste de comparação de médias (Tukey) ou análise de regressão A colheita foi realizada quando as sementes atingiram os teores de água de 28,6; 18,5 e 12,9%, seguida de secagem a 38 ºC, em estufa com circulação forçada de ar, até atingirem aproximadamente o teor de água de 13%. Posteriormente, as sementes foram armazenadas durante 240 dias sob dois sistemas, hermético (garrafas PET) e convencional (sacos de papel kraft) a temperatura ambiente. A avaliação da qualidade física e sanitária, além do desempenho fisiológico das sementes foi realizada imediatamente após a colheita e, posteriormente, a cada 60 dias por meio da determinação do teor de água, peso de mil sementes, peso hectolitro, condutividade elétrica, teste de sanidade (“Blotter Test”), teste de germinação, primeira contagem de germinação, índice de velocidade de germinação, envelhecimento acelerado, frio, comprimento de parte aérea e matéria seca de plântulas. A qualidade física das sementes de trigo reduziu ao longo do tempo de armazenamento, independentemente do teor de água na colheita e do sistema de armazenagem; a incidência de Fusarium spp. e dos fungos de campo reduziu ao longo do tempo de armazenamento, enquanto que a incidência de Aspergillus spp. e Penicillium spp. aumentou, independentemente do teor de água na colheita e do sistema de armazenagem. A germinação das sementes de trigo, armazenadas sob sistema hermético, aumentou até os 180 dias de armazenamento devido ao processo de quebra de dormência, com posterior queda dos valores observados, enquanto que as armazenadas sob sistema convencional apresentaram queda linear germinação ao longo do armazenamento. O sistema hermético proporcionou aumento no vigor das sementes até os 120 dias de armazenamento, sendo que após este período houve redução dos valores observados. Já o sistema convencional promoveu a redução linear do vigor das sementes ao longo do armazenamento, exceto para os resultados demonstrados nos testes de primeira contagem de germinação e índice de velocidade de germinação, os quais apresentaram aumento até os 60 dias de armazenamento. O sistema hermético proporcionou melhor qualidade física e sanitária e melhor desempenho fisiológico às sementes em relação ao convencional ao final do período de armazenamento; e, o retardo na colheita influenciou negativamente na qualidade física, sanitária e o desempenho fisiológico das sementes ao longo do armazenamento.
Abstract: Wheat is one of the main cereal food consumed in the world, being one of the most important crops for food security. The harvesting time and grain storage, influence the physical, chemical, physiological and sanitary quality of wheat seeds (Triticum aestivum). In this way, the study aimed to evaluate the physical and sanitary quality, as well as the physiological performance of wheat seeds as a function of different grain moisture in the harvest with subsequent storage in a hermetic and conventional system. To do so, wheat seeds, cultivar BRS Parudo, was sowed. It was used a completely randomized experimental design, arranged in factor 5x3x2 (storage time x harvesting grain moisture x storage system), with four replications. The data obtained were submitted to variance analysis, with subsequent means comparison test (Tukey HSD Test) or regression analysis. The harvest was realized when the seeds reached 28.6, 18.5 e 12.9% grain moisture, following by drying at 38 °C in a forced-air-circulation oven until the water content reached approximately 13%. Subsequently, the seeds were stored for 240 days under two systems, hermetic (PET bottles) and conventional (Kraft paper bags) at room temperature. The evaluation of the physical and sanitary quality, besides the physiological performance of the seeds, was carried out immediately after the harvest and, later, every 60 days by determination of the grain moisture, thousand seed weight, hectoliter weight, electrical conductivity, sanitary test (Blotter Test), germination test, first germination count, germination speed index, accelerated aging test, cold test, shoot length and dry matter of seedlings. The physical quality of the wheat seeds reduced over the storage time, regardless of the water content in the harvest and the storage system; Fusarium spp. Incidence and field fungi reduced over time of storage, while Aspergillus spp. and Penicillium spp. incidence increased, regardless of the water content in the harvest and the storage system. Wheat seeds germination, stored under a hermetic system, increased up to 180 days of storage due to the dormancy breaking process, with subsequent fall of the observed values, while those stored under conventional system showed a linear decrease germination throughout the storage. The hermetic system provided an increase in seed vigor up to 120 days of storage, and after this period there was a reduction of the observed values. The conventional system promoted the linear reduction of seed vigor throughout the storage, except for the results demonstrated in the tests of first count of germination and rate of germination, which showed an increase up to 60 days of storage. The hermetic system provided better physical and sanitary quality and better physiological performance to the seeds compared to conventional at the end of the storage period; and, the harvest delay negatively influenced the physical, sanitary quality and the physiological performance of the seeds throughout the storage.
Keywords: Germinação
Armazenagem de grãos
Colheita de trigo
Qualidade das semenes
Cultivo de trigo
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Erechim
Name of Program of Postgraduate studies: Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia Ambiental
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1359
Issue Date: Oct-2017
metadata.dc.level: Mestrado
Appears in Collections:Ciência e Tecnologia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SCARIOT.PDF766,09 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.