Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1436
Type: Monografia
Title: Espaços (semi)públicos de sociabilidade juvenil em Chapecó
Author: Keschner, Bruna Natali de Castro
First advisor: Catalão, Igor de França
Resume: O uso do espaço geográfico é ponto central de observação das atividades cotidianas das sociedades humanas. Uma dessas atividades que têm papel fundamental na vivência em grupo é a sociabilidade, que exige um espaço adequado para sua realização. Na sociedade capitalista, onde a propriedade privada é um direito garantido, os espaços públicos se tornam cada vez menos importantes diante dos privados. Estes, além do espaço em si, disponibilizam outros atrativos geralmente ligados ao consumo. Um exemplo claro e recorrente de espaço privado que é utilizado como se fosse público pela sociedade são os shopping centers. Esses empreendimentos que aliam o consumo, o lazer e a sociabilidade estão muito presentes em metrópoles e cidades médias, como é o caso de Chapecó, cidade média localizada na região oeste do estado de Santa Catarina. Em Chapecó, alguns tipos de jovens encontram dificuldades para encontrar espaços públicos para a prática da sociabilidade, o que faz com que muitas vezes utilizem espaços privados para isso. Esse espaço privado é um dos objetos de estudo dessa pesquisa, o estacionamento da Havan, que durante o período noturno serve como espaço semipúblico para a juventude. O objetivo dessa pesquisa foi analisar os espaços ocupados pelos jovens e, através de pesquisa empírica, observar porque esse espaço privado tem sido escolhido para a prática da sociabilidade e quais as dificuldades que eles encontram ao ocupar esses espaços semipúblicos. Os espaços precisam atender as necessidades de sociabilidade juvenil, se isso não acontecer espaços privados serão ocupados, mesmo que o poder público use estratégias que dificultem esses movimentos de sociabilidade.
Abstract: The use of geographic space is the central point of observation of the daily activities of human societies. One of these activities that play a fundamental role in group living is sociability, which requires adequate space for its accomplishment. In capitalist society, where private property is a guaranteed right, public spaces become less and less important in relation to the private ones. These, besides the space itself, offer other attractions usually linked to consumption. A clear and recurrent example of private space that is used as if it were public by society are the shopping malls. These are enterprises that combine consumption, leisure and sociability, and they are very present in metropolises and intermediate cities, as it is the case of Chapecó, a city located in the western region of the state of Santa Catarina. In Chapecó, some kinds of youth have difficulties in finding public spaces for practicing sociability, which means that they often use private spaces for this purpose. This private space is one of the objects of study of this research, the Havan’s parking, which during the night time serves as a semi-public space for youth. The objective of this research was to analyze the spaces occupied by young people and, through empirical research, to observe why this private space has been chosen for the practice of sociability, and which are the difficulties they face in occupying these semi-public spaces. The spaces need to meet the needs of youthful sociability, otherwise private spaces will be occupied, even if the public power uses strategies that hinder these movements of sociability.
Keywords: Espaço geográfico
Espaço semipúblico
Juventude
Sociabilidade
IND
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Chapecó
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1436
Issue Date: 2017
Appears in Collections:TCC Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KESCHNER.pdf2,15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.