Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1528
Type: Monografia
Title: Influência da cultura organizacional na retenção dos profissionais em empresas de base tecnológica na região oeste de Santa Catarina
Author: Strapazzon, Tatiane
First advisor: Tosta, Kelly Cristina Benetti Tonani
Resume: Umas das grandes preocupações das organizações atualmente e reter os talentos que venham a contribuir para o alcance dos objetivos organizacionais. Principalmente devido as grandes perdas de conhecimento ocasionadas com os desligamentos e os altos custos com os processos de recrutamento, seleção, treinamento e adequação do profissional a cultura da empresa, onde a rotatividade coloca em risco a eficiência organizacional e a capacidade competitiva da empresa. Exigindo a criação de meios para retenção destes. Onde a retenção de talentos tem início dentro da cultura organizacional da empresa, tendo em vista de que as características que integram o ser humano são percebidas por meio de sua cultura e do ambiente social em que estão inseridos. Sendo que nesta pesquisa as características da cultura organizacional serão identificadas a partir do IBACO. O objetivo geral do estudo foi analisar como a cultura organizacional influência a retenção de profissionais em organizações de base tecnológica no Oeste de Santa Catarina. Os procedimentos metodológicos aplicados nesta pesquisa seguiram as delimitações propostas pelo projeto de pesquisa denominado. “Recompensas e retenção de profissionais em organizações intensivas em conhecimento, de base tecnológica, de Santa Catarina”, aprovado na Chamada Universal MCTI/CNPq/MEC/CAPES nº 22/2014, do qual esta pesquisa faz parte, porém com unidade de análise apenas na região Oeste. Sendo assim, esta pesquisa, quanto à abordagem, caracteriza-se como qualitativa e quantitativa, partiu da análise do referencial teórico e do discurso da entrevista para a identificação da cultura organizacional na visão do gestor e do uso de um questionário para identificar as variáveis sócio demográficas e uso do Instrumento Brasileiro para Avaliação da Cultura Organizacional – IBACO para analise da cultura organizacional na visão dos colaboradores. Sendo utilizadas técnicas de estatística com escala Likert de cinco pontos para mensuração do grau da cultura organizacional. Quanto aos fins, esta pesquisa caracteriza-se como exploratória, quanto aos meios, à pesquisa pode ser classificada como bibliográfica, pesquisa de campo e estudo de caso. Como técnica de coleta de dados foi feita a partir da entrevista semiestruturada e aplicação de questionário. Quanto à análise dos dados foi realizada análise de conteúdo do discurso da entrevista e técnicas de estatística descritiva para análise dos dados dos questionários. Através dos resultados da pesquisa constata-se que em relação às variáveis sócio demográficas tem-se uma predominância de colaboradores do gênero Masculino, faixa etária jovem de 20 e 25 anos, sem filhos, sendo que a maioria estava a menos de 2 anos na empresa, escolaridade ensino superior e pós-graduação. Em relação aos resultados do IBACO percebe-se que o profissionalismo cooperativo mostrou-se forte e a integração externa muito forte. Já no caso do profissionalismo competitivo o valor encontrado foi muito fraco. Após as análises dos dados, pode-se entender a Cultura Organizacional como jovem, com um ambiente agradável que incentiva o trabalho em equipe, tendo como meta um atendimento de qualidade buscando assim satisfazer as necessidades de seus clientes. Afetando a retenção pelo fato de focar muito no grupo de trabalho sem proporcionar avaliações individuais, pouco feedback, falta de programas que incentivem ao aperfeiçoamento profissional.
Abstract: One of the major concerns of organizations today and retain talent that will contribute to the achievement of organizational goals. Mainly due to the great losses of knowledge caused by the disconnections and the high costs with the processes of recruiting, selecting, training and adapting the professional to the company culture, where the rotation jeopardizes the organizational efficiency and the competitive capacity of the company. Requiring the creation of means for retention of these. Where the retention of talent begins within the organizational culture of the company, considering that the characteristics that integrate the human being are perceived through their culture and the social environment in which they are inserted. Being that in this research the characteristics of the organizational culture will be identified from IBACO. The general objective of the study was to analyze how the organizational culture influences the retention of professionals in technology-based organizations in the West of Santa Catarina. The methodological procedures applied in this research followed the delimitations proposed by the research project called. "Rewards and retention of professionals in knowledge-based, technology-based organizations in Santa Catarina", approved in the Universal Call MCTI / CNPq / MEC / CAPES No. 22/2014, of which this research is part, but with analysis unit only In the West region. Thus, this research, as regards the approach, is characterized as qualitative and quantitative, starting from the analysis of the theoretical reference and the discourse of the interview for the identification of the organizational culture in the manager's view and the use of a questionnaire to identify the partner variables And the use of the Brazilian Instrument for Evaluation of Organizational Culture - IBACO to analyze the organizational culture in the view of the collaborators. Statistical techniques with a fivepoint Likert scale are used to measure the degree of organizational culture. Regarding the ends, this research is characterized as exploratory, as far as the means, the research can be classified as bibliographical, field research and case study. As a technique of data collection was done from the semi-structured interview and questionnaire application. Regarding the analysis of the data, we performed content analysis of the interview speech and descriptive statistics techniques to analyze the questionnaire data. The results of the research show that in relation to the socio-demographic variables there is a predominance of employees of the male gender, young age group of 20 and 25 years old, without children, most of whom were less than 2 years old at the company , Higher education and postgraduate education. Regarding IBACO's results, it can be seen that cooperative professionalism has proved to be strong and external integration very strong. In the case of competitive professionalism, the value found was very weak. After analyzing the data, one can understand the Organizational Culture as a young person, with a pleasant environment that encourages teamwork, aiming at a quality service seeking to satisfy the needs of its clients. Affecting retention by focusing too much on the work group without providing individual assessments, poor feedback, and lack of programs that encourage career development.
Keywords: Cultura organizacional
Empresas de base tecnológica
IBACO
Retenção de talentos
IND
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Chapecó
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/1528
Issue Date: 2017
Appears in Collections:TCC Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
STRAPAZZON.pdf2,97 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.