Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2129
Type: Dissertação
Title: A participação familiar nos processos educativos: uma análise das representações de mães sobre a relação família-escola
Author: Johann, Magali Maria
First advisor: Silva, Ariane Franco Lopes da
Resume: O estudo tem por objetivo compreender as representações sociais de mães sobre a relação família-escola. Essa relação família-escola foi investigada na questão da aprendizagem, do comportamento das crianças e da proximidade da família no contexto escolar. Este estudo fundamenta-se na teoria das representações sociais idealizadas por Serge Moscovici (1978) que procura explicar o efeito dos conhecimentos de senso comum acerca de objetos sociais no comportamento das pessoas, nas suas atitudes e nos seus julgamentos. A metodologia a ser adotada tem um caráter multifacetado que explorou as representações sociais de mães sobre a relação família-escola. A abordagem plurimetodológica privilegia análises qualitativas, que possibilitam a interpretação dos dados. Ao todo participaram da pesquisa 105 mães de alunos matriculados na última turma da pré-escola, no primeiro e quinto ano do ensino fundamental. Desse total, 62 eram mães de escola privada e 43 de escola pública, ambas localizadas em uma cidade da região sul do país. Um questionário com perguntas abertas e fechadas sobre o perfil dos participantes foi aplicado às mães. Em seguida, aplicou-se a Técnica de Associação Livre de Palavras a partir dos seguintes termos indutores: Família e desempenho escolar; Família e comportamento das crianças; Família na escola. Em um segundo momento, aplicou-se o instrumento das narrativas projetivas, quando os sujeitos foram solicitados a completar com suas próprias palavras uma história que estava inacabada. Por fim, no instrumento da seleção de imagens, os sujeitos foram solicitados a escolher dentre quatro figuras, a que melhor representava a relação família-escola, justificando a sua escolha. Os dados da Associação Livre de Palavras foram tratados pelo software Evoc (2000). Os dados do complemento de frases foram analisados pelo software Iramuteq (2009). As justificativas da seleção de imagens foram tratadas pela análise de conteúdo (BARDIN, 1977). O projeto de pesquisa passou pelo Comitê de Ética em Pesquisa e obteve aprovação. Os resultados indicam que, com relação à questão da aprendizagem, não houve diferença entre os dois grupos de mães, que percebem o seu papel nesse processo como sendo o de proporcionar suporte e apoio ao seu filho (a). Com relação à questão do comportamento das crianças, houve diferença entre os dois grupos de mães. Para as mães da escola privada, o seu papel na formação moral, ética e social das crianças foi o de proporcionar primeiramente, uma boa educação por meio de conversas. Em segundo plano, apareceu a questão da imposição de limites e regras. Para as mães da escola pública, a formação moral, ética e social das crianças revelou-se como um problema e uma preocupação. Em segundo plano, apareceu a questão da imposição de limites. Com relação à questão da família na escola, houve semelhanças entre os dois grupos de mães. Ambas salientaram que é importante a participação da família na escola, acompanhar as crianças na sua vida escolar. Para as mães da escola privada, a relação família-escola girou em torno da ideia de uma harmonia, de um entendimento, de parceria e de uma expectativa de crescimento e desenvolvimento. Para as mães da escola pública, obteve-se dois tipos de respostas sobre a relação família-escola. A maior parte delas não fez comentários específicos sobre essa relação, limitando-se a comentar os benefícios de se frequentar a escola. Possivelmente, as representações da relação família-escola ancoram-se também na história da escola no Brasil, que ampliou o acesso ao ensino a um grande número de crianças e jovens, divulgou os ideais de que a escola forma para o trabalho, proporcionando melhores condições de vida, e que a família deve oferecer apoio e suporte a esse processo. O entendimento do papel da escola e das famílias no desenvolvimento das crianças e as expectativas com relação à escola na formação podem ser diferentes e influenciados por diferentes fatores como a idade das mães, a sua profissão, a sua formação. Os contextos de vida das famílias impactariam, a nosso ver, nos tipos de relação entre mães e escola.
Abstract: The study aims to understand the mothers’ social representations on the family-school relationship. This family-school relationship was investigated in terms of learning, children’s behavior and how close the family is to the school environment. This study is based on the social representations theory idealized by Serge Moscovici (1978) that seeks to explain the effect of common-sense knowledge about social objects on people's behavior, attitudes and judgments. The methodology to be adopted has multifaceted characteristics that will seek to explore the mothers’ social representations on the family-school relationship. The pluri-methodological approach privileges the qualitative analysis and makes possible the data interpretation. The study was conducted with 105 student’s mothers enrolled in last pre-school year, first and fifth grade of elementary school. Of this total, 62 were mothers of children studying in private schools and 43 in state schools located in a southern country city. First, the mothers completed a questionnaire including open and closed questions about their profile. Then the Free Association technique was applied using the following inductive terms: Family and school performance; Family and children behavior; Family at school. The next step was the application of the projective narrative method - the mothers were asked to complete in their own words an unfinished story. Finally, the image selection method was applied when they were asked to choose from four figures which one best represented the family-school relationship, justifying their choice. The data obtained from the Free Association method was interpreted using the Evoc software (2000). The text segments were analyzed by the Iramuteq software (2009). The content analysis technique was used to review the image selection justification (BARDIN, 1977). The research project was submitted to the Research Ethics Committee and was approved. The results indicate that there was no difference between the two mother groups when the subject was the learning process: both groups realize they have an important role in the process of supporting their child. Regarding the children's behavior, there was a difference between the two mother groups. For the private school mothers their role in the moral, ethical and social formation was firstly through conversations. In the background the rules and limit impositions were mentioned. For the state school mothers, the moral, ethical and social formation appear as a problematic and concerning topic. In the background the limit impositions were mentioned. Regarding the subject of family at school, there were similarities between the two groups. Both emphasized the importance of the family participation at school following the children’s school life. For the private school mothers the family-school relationship should be filled with harmony, understanding, partnership, growth and development. For the state school mothers two kinds of answers about the family-school relationship were obtained. Most of them did not mention anything about it, merely commenting on the benefits of their children going to school. In only a few cases the importance of this relationship was mentioned. Possibly, the representations of the family-school relationship are also anchored in the history of the school in Brazil, which extended access to education to a large number of children and young people, and disseminated the ideals that schools form for work, provide better conditions for life and that the family should offer support to this process.
Keywords: Sociologia educacional
Relação Escola-Família
Educação
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Chapecó
Name of Program of Postgraduate studies: Programa de Pós-Graduação em Educação
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2129
Issue Date: Aug-2018
metadata.dc.level: Mestrado
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOHANN.pdf1.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.