Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2169
Tipo: Dissertação
Título: Casa familiar rural : um estudo no território da Cantuquiriguaçu/pr
Autor(es): Campos, Anelize De Souza Muller
Primeiro Orientador: Leandrini, Josimeire Aparecida
Resumo: Diante do fechamento das Casas Familiares Rurais no Estado do Paraná, faz-se necessário discutir e conhecer os elementos que permeiam a formação por Alternância e as contradições que emergem desse processo. A partir da realidade vivenciada nas CFRs da Cantuquiriguaçu, e na a trilha de seus egressos. Este trabalho, objetiva verificar as etapas que envolvem as formações desenvolvidas nas CFRs, os elementos de ensino proposto pela Pedagogia da Alternância, explorar os fatos que levaram o fechamento destas escolas, ainda reavivar as discussões a cerca das formações oferecida pelas CFRs e trazer apontamentos que possam contribuir para a reestruturação dessas escolas e para o avanço da Educação do Campo como eixo promotor da Agroecologia, que enquanto matriz produtiva torna-se fomentadora do Desenvolvimento rural sustentável fundamental para agricultura familiar campesina. A metodologia utilizada é descritiva, qualitativa e foi realizada a partir de observações participante. Conclui-se que as CFRs contribuem para permanência do jovem no campo, na perspectiva de trabalho, porém, não dá conta formação critica, politica e social de seus egressos de efetiva. Aponta ainda, que essas instituições só vão realmente atender a sua vocação de formar de um sujeito efetivamente autônomo, se estiverem imersas em ações de politicas públicas comprometidas com o desenvolvimento rural sustentável no âmbito de uma politica territorial voltada aos atores locais. Fica claro ainda que a grande maioria dos professores não reconhecem a Pedagogia da Alternância como metodologia de ensino e os conceitos ideológicos a ela atribuído, ficando o processo de ensino a mercê dos conhecimentos e ideologia que o professor e coordenação traz consigo. Dentre os elementos da Pedagogia da Alternância que mais chamaram a atenção principalmente dos egressos, foram os elementos partilha e visitas. Na partilha ele se reconhece como parte de história e vai construindo a sua identidade de jovem do campo e nas visitas ele reconhece o campo como um espaço se para se viver e não morar. Dessa forma mais uma vez reafirmamos que na perspectiva de atuação que se encontra hoje as CFRs, elas tornaram-se uma escola comum, onde não há uma diferenciação na formação política, social e autônoma, tendo como único diferencial a oferta da qualificação profissional que por sua vez também tem sido alvo de decepções, devido a falta de reconhecimento dos órgão de classes responsáveis pela regulamentação das profissões.
Abstract: In view of the closure of the Rural Family Houses in the State of Paraná, it is necessary to discuss and know the elements that permeate the formation by Alternation and the contradictions that emerge from this process. From the reality lived in the CFRs of Cantuquiriguaçu, and in the trail of its graduates. This work aims to verify the stages involved in the formation of CFRs, the elements of teaching proposed by the Alternation Pedagogy, to explore the facts that led to the closure of these schools, to rekindle discussions about the formations offered by the CFRs and to provide notes that can contribute to the restructuring of these schools and to the advancement of Field Education as the axis that promotes Agroecology, which as a productive matrix becomes a promoter of sustainable rural development that is fundamental to peasant family agriculture. The methodology used is descriptive, qualitative and was carried out from participant observations. It is concluded that the CFRs contribute to the permanence of young people in the field, from the perspective of work, but does not account for the critical, political and social formation of their graduates. It also points out that these institutions will only truly fulfill their vocation to form an effectively autonomous subject if they are immersed in public policy actions committed to sustainable rural development within the framework of a territorial policy aimed at local actors. It is clear that the great majority of teachers do not recognize the Alternation Pedagogy as teaching methodology and the ideological concepts attributed to it, leaving the teaching process at the mercy of the knowledge and ideology that the teacher and coordination brings with it. Among the elements of the Pedagogy of Alternation that most attracted the attention mainly of the graduates, were the elements sharing and visits. In the sharing it is recognized as part of history and is building its identity as a young man from the countryside and on the visits he recognizes the countryside as a place to live and not live. In this way, once again, we reaffirm that in the perspective of the current CFRs, they have become a common school, where there is no differentiation in political, social and autonomous formation, having as only differential the offer of the professional qualification that by its turn has also been disappointed, due to the lack of recognition of the bodies of classes responsible for regulating professions.
Palavras-chave: Tipos de educação
Instituições de ensino
Agroecologia
Escola rural
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Federal da Fronteira Sul
Sigla da Instituição: UFFS
Faculdade, Instituto ou Departamento: Campus Laranjeiras do Sul
Nome do Programa de Pós Graduação : Programa de Pós-Graduação em Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2169
Data do documento: 2018
Nível: Mestrado
Aparece nas coleções:Agroecologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CAMPOS.pdf19,02 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.