Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2897
Type: Monografia
Title: A escolha da especialidade médica dos concluintes da primeira turma de medicina da Universidade Federal da Fronteira Sul
Author: Ihjaz, Sofia Japur
First advisor: Caovilla, Jairo José
Resume: O presente artigo tem como finalidade identificar as especialidades pretendidas pelos alunos da Universidade Federal da Fronteira Sul, Campus Passo Fundo/RS, para se avaliar o perfil dos estudantes de Medicina que estão inseridos dentro de um novo contexto de formação médica do país. Os fatores determinantes da escolha pelas especialidades também serão avaliados. Será realizado um estudo transversal descritivo no período entre janeiro e dezembro de 2018. Método: a população avaliada compreende 30 alunos da primeira turma, matriculados no décimo primeiro semestre e que possuem previsão de conclusão em julho de 2019. A coleta de dados foi realizada por meio de questionário semi estruturado eletrônico online. As variáveis avaliadas foram idade, sexo, etnia, nível socioeconômico, motivações familiar para determinada especialidade, profissional e financeira. Resultados: dos 30 alunos que responderam ao questionário, 60% eram do sexo feminino. A média de idade foi de 27,16 anos (±2,12) Com relação à renda familiar, foi verificado predomínio de renda acima de seis salários mínimos. Apenas 10% dos entrevistados possuem renda familiar entre 1 e 2 salários mínimos mensais e 20% possuem algum tipo de auxílio promovido pela instituição ou pelo governo federal. Evidenciou-se que a maioria (93,3%) dos alunos entrevistados já tinha alguma especialidade médica como objetivo futuro no início do curso. As principais especialidades médicas encontradas no período final do curso foram: clínica médica (23,3%), cirurgia geral (16,6%), pediatria e psiquiatria (9,9%). Dentre os 30 entrevistados, 23,3% possuem algum membro da família médico, e 44,4% destes foram incentivados a seguir a mesma especialidade médica. Os fatores que mais influenciaram a escolha da especialidade médica pelos alunos foram a “afinidade” pela área (93,3%), “habilidades individuais” (66,7%) “retorno financeiro” (43,3%) e “admiração por profissional da área” (30%). Conclusão: conclui-se, portanto, que ao contrário do esperado pelo próprio curso de Medicina e pelas Diretrizes Curriculares Nacionais, foi encontrada neste estudo a intenção dos alunos em seguir carreira de especialista à de médico generalista. Esse estudo demonstrou que apesar das mudanças nas diretrizes, a grande maioria dos alunos já entra no curso almejando algum tipo de especialização (93,3%). Sendo assim, é necessária uma discussão acerca de mudança nas condições de trabalho, na importância social para estimular o egresso e uma melhora na remuneração para o médico generalista.
Keywords: Especialidades médicas
Ensino superior
Medicina
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Passo Fundo
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/2897
Issue Date: 2018
Appears in Collections:TCC Medicina

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SOFIA JAPUR IHJAZ.pdf722 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.