Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/3242
Type: Dissertação
Title: A metáfora que mobiliza: uma leitura da crítica “Ciúme e dúvida póstuma [Dom Casmurro, de Machado de Assis]”, de João Cezar de Castro Rocha
Author: Cordeiro, Roselaine de Lima
First advisor: Prigol, Valdir
Resume: Esta pesquisa analisa o modo de ler presente na crítica literária “Ciúme e Dúvida Póstuma [Dom Casmurro, de Machado de Assis]”, texto que propõe uma leitura para essa obra machadiana a partir do ciúme. Esse ensaio foi publicado pela primeira vez no caderno Ideias, do Jornal do Brasil, e, mais tarde, compôs a coletânea Por uma esquizofrenia Produtiva (Da prática à teoria), publicada em 2015, escritos do crítico literário e cultural João Cezar de Castro Rocha. Todos, com exceção do primeiro, produzidos para cadernos culturais publicados em jornais. De imediato, despertou nossa atenção como esse texto de crítica desenvolve sua análise. Assim, tendo em vista nosso interesse em compreender esse discurso da crítica e tomando como tema para esta dissertação a leitura, perguntamos: como o crítico lê a obra Dom Casmurro em “Ciúme e Dúvida Póstuma”? Para respondermos tal indagação, nosso percurso compreendeu três movimentos: no primeiro, fizemos uma análise detalhada do texto de crítica para delinear o processo de funcionamento desse modo de ler a partir da metáfora do ciúme; na sequência, tratamos das condições de aparecimento da metáfora do ciúme; na última parte, discutimos as discursividades desse modo de ler e seus efeitos de sentido. A análise da metáfora do ciúme se dá pela compreensão da crítica literária contemporânea e dos estudos de Michel Pêcheux, que nos permite um caminho de leitura para o entendimento acerca da metáfora. Da nossa análise, compreendemos que esse modo de ler do crítico a partir da metáfora do ciúme pode ser compreendido como uma teoria de leitura composta por duas dimensões: a primeira configurada pelo modo de apresentação do texto literário ao leitor; e a segunda, que tem como cerne a metáfora de leitura, metáfora que mobiliza o leitor à leitura, atuando, portanto, como mediadora entre leitor e obra. Dessa forma, estamos diante de uma crítica literária centrada na formação de leitores que produz metáforas que mediarão a leitura.
Abstract: This research analyses the way of reading presented in the literary criticism “Ciúme e Dúvida Póstuma [Dom Casmurro, de Machado de Assis]”, a text that proposes reading this work through the jealousy. This essay was published for the first time in the section Ideias, of the newspaper Jornal do Brasil, and, later, it was part of the collection Por uma esquizofrenia Produtiva (Da prática à teoria), published in 2015, texts written by literary and cultural critic João Cezar de Castro Rocha. All the essays, except the first, were produced for the cultural sections published in newspaper. Immediately, the way this criticism text develops its analysis caught our attention. Thus, considering our interest to understand this discourse of the criticism and taking the reading as the subject of this dissertation, we ask “How the critic reads the literary work Dom Casmurro in “Ciúme e Dúvida Póstuma”? To answer this question, our journey consisted of three movements: in the first, we developed a detailed analysis of the criticism text in order to outline working process of this way of reading from the jealousy metaphor. After that, we discussed the appearance conditions of the jealousy metaphor. Finally, we discussed the discourses of this way of reading and its effects of sense. The analysis of the jealousy metaphor is developed by the comprehension of the contemporary literary criticism and Michel Pêcheux studies which allow us to take a reading journey for the understanding of the metaphor. From our analysis, we comprehend that the critic’s way of reading through the jealousy metaphor can be comprehended as a reading theory made by two dimensions: the first designed by how the literary text is presented to the reader; the second, that centers upon the reading metaphor, a metaphor which mobilizes the reader to read, therefore, acting like the mediator between the reader and the literary work. This way, we are facing a literary criticism centered in the formation of readers which produces metaphors that will mediate the reading.
Keywords: Crítica literária
Metáfora
Linguística
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Fronteira Sul
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Chapecó
Name of Program of Postgraduate studies: Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/3242
Issue Date: 2019
metadata.dc.level: Mestrado
Appears in Collections:Linguística

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CORDEIRO.pdf3,68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.