Please use this identifier to cite or link to this item: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/830
Type: Monografia
Title: Urbanização e riscos socioambientais em Erechim - RS
Author: Furlan, André Ricardo
First advisor: Spinelli, Juçara
Resume: A urbanização se consolida como hegemônica sobre os espaços e consequentemente deixa suas marcas sobre os elementos naturais, isso ocorre com mais frequência em cidades que não levam em consideração seu contexto natural. Essa forma, de apropriação dos espaços da cidade deixa clara a diferenciação entre as suas distintas formas de uso e ocupação. Essa é uma problemática que ocorre no espaço urbano de Erechim, Rio Grande do Sul. O objetivo geral da pesquisa consiste em investigar a forma como desenrolou-se as expansões urbanas e como essa ação ocorreu nos componentes rurais, para validar a hipótese de que a partir da aplicação de um planejamento urbano que deixa de lado os componentes naturais apresenta riscos para a população . Dessa forma, foi necessário identificar as bacias e sub-bacias hidrográficas contidas no espaço urbano, verificando o processo de ocupação a partir das delimitações do perímetro urbano entre 1931, 1977, 1995, 1997 e 2015, foi realizada uma análise socioeconômica da população evidenciando a renda, alfabetização, densidade demográfica e domicílios tipo casa (vulnerabilidade), por fim verificar a correlação entre os eventos de fenômenos hidrológicos e geodinâmicos e os demais dados levantados, a partir da análise dos dados referente a vulnerabilidade aliado a ocorrência de problemas ligados aos desastres naturais foi possível identificar o risco existente em cada setor censitário que teve registro de ocorrência do fenômeno. também foi possível verificar em quais microbacias esse fenômeno ocorre com mais frequência. O procedimento metodológico se encaminhou a partir do levantamento de dados, processamento das informações para chegar aos produtos finais foram utilizados imagens de satélite, cartas topográficas, dados documentais e do setor censitário. Todos os produtos cartográficos foram gerados a partir de técnicas de geoprocessamento e sensoriamento remoto em Sistema de Informação geográfica (SIGs), no software Quantum Gis (QGIS). Os resultados indicam uma tendência no aumento populacional e também da proporção urbana, tanto na escala nacional, estadual e municipal. demostra a existência de duas bacias hidrográfica (Dourado e Suzana) e duas sub-bacias (Tigre e Henrique) que estão contidas no espaço urbano de Erechim atualmente. Dentre essas, destaca-se a do rio Tigre que foi a mais impactada pela urbanização desde construção do núcleo central, e é nela que apresenta-se o maior número de casos ligados aos fenômenos hidrológicos e geodinâmicos, assim pode-se inferir que a urbanização realmente apresenta impactos socioambientais e isso se manifesta variando conforme ocorre a relação entre a sociedade e natureza. A partir do cruzamento dos dados chegou-se a consideração que a maioria das ocorrências de desastres naturais que ocorrem nos setores censitários mais vulneráveis, assim aumentando o risco nesses locais. Foram constatados 38 setores sobre risco destes, 19 setores estão sob risco alto, 14 com risco médio, 2 com risco regular e 3 com risco baixo. O uso das informações produzidas nesta pesquisa pode auxiliar na tomada de decisão do poder público, assim como para que nas novas áreas de expansão urbana não se tenha o mesmo modelo adotado nas áreas em que ocorrem os riscos.
Abstract: Urbanization is consolidates as hegemonic over spaces and consequently leaves its mark on natural elements, this occurs more often in cities that do not take into account their natural context. This form of appropriation of the spaces of the city makes clear the differentiation between its different forms of use and occupation. This is a problem that occurs in the urban space of Erechim, Rio Grande do Sul. The general objective of the research is to investigate how the urban expansions unfolded and how this action occurred in the rural components, to validate the hypothesis that the From the application of an urban planning that leaves aside the natural components presents risks for the population. Thus, it was necessary to identify the basins and sub-basins contained in the urban space, verifying the occupation process from the delimitations of the urban perimeter between 1931, 1977, 1995, 1997 and 2015, a socioeconomic analysis of the population was carried out, evidencing the Income, literacy, demographic density and household type domains (vulnerability), finally to verify the correlation between the events of hydrological and geodynamic phenomena and the other data collected, based on the analysis of the data referring to vulnerability allied to the occurrence of problems related to disasters It was possible to identify the existing risk in each census sector that had a record of occurrence of the phenomenon. It was also possible to verify in which micro-basins this phenomenon occurs more frequently. The methodological procedure was carried out from the data collection, information processing to reach the final products were used satellite images, topographic charts, documentary data and the census sector. All the cartographic products were generated from geoprocessing and remote sensing techniques in Geographic Information System (GIS) in Quantum Gis software (QGIS). The results indicate a tendency in the population increase and also the urban proportion, at the national, state and municipal levels. Demonstrates the existence of two hydrographic basins (Dourado and Suzana) and two sub-basins (Tigre and Henrique) that are contained in the urban space of Erechim today. Among these, the Tigre River was the most affected by the urbanization since the construction of the central nucleus, and it is the one that presents the largest number of cases related to the hydrological and geodynamic phenomena, so it can be inferred that urbanization Actually has socio-environmental impacts and this is manifested as the relationship between society and nature occurs. From the crossing of the data came the consideration that most occurrences of natural disasters occurring in the most vulnerable census tracts, thus increasing the risk in those locations. A total of 38 sectors were found to be at risk, 19 sectors were at high risk, 14 were medium risk, 2 were at regular risk and 3 were at low risk. The use of the information produced in this research can help in the decision-making of the public power, so that in the new areas of urban expansion the same model cannot be adhered to in the areas where the risks occur.
Keywords: Microbacias urbanas
Uso da terra
Geoprocessamento
Desastres naturais
Language: por
Country: Brasil
Publisher: UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL
Acronym of the institution: UFFS
College, Institute or Department: Campus Erechim
Type of Access: Acesso Aberto
URI: https://rd.uffs.edu.br/handle/prefix/830
Issue Date: 10-Jan-2017
Appears in Collections:TCC Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FURLAN.pdf4,75 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.